18 - OutRun

Estava espalhado por inúmeros centros comerciais e salões de jogos, com carro para sentar lá dentro e tudo na sua versão de topo. Quem diria que um dia podíamos estar em casa ao volante daquela máquina vermelha, com uma loura ao lado, sempre em busca do próximo checkpoint? Um clássico.

17 - Lakers Vs Celtics

Criado pela EA e vulgarmente conhecido por NBA, tinha um nível de detalhe incrível para a época, com movimentos personalizados para alguns jogadores, que tinham diferentes características físicas. Isto até fazia esquecer que apenas tinha as oito equipas dos playoffs da época anterior.

16 - Cannon Fodder

O seu slogan afirmava que a guerra nunca fora tão divertida, tornando óbvio que estávamos perante algo politicamente incorrecto, através do estúdio que criou Sensible Soccer, o que facilmente se percebia pelos gráficos. Tudo se controlava com o rato e os gritos dos feridos eram inesquecíveis.

15 - SimCity

Um terreno e algum dinheiro eram o ponto de partida para quem tinha o sonho de fazer nascer uma cidade, com gente lá dentro e tudo. Era tão complexo que os habitantes quase se chateavam mais com os impostos altos do que quando acontecia um desastre natural. Que podia ser o Godzilla...

14 - Golden Axe

Escolhíamos o guerreiro, a mulher ou o anão e depois era ir andando para a direita e destruindo tudo o que nos aparecia à frente, por vezes montados num dos dragões que roubávamos ao inimigo. Tudo se torna ainda mais memorável quando recordamos que dava para jogar a dois no mesmo teclado.

13 - Speedball 2

Quando em 1992 se cria um jogo sobre um desporto de 2095, a que se dá o subtítulo Brutal Deluxe, a coisa promete. Era uma espécie de andebol futurista, com muita porrada à mistura. A bola estava sempre em jogo e ainda podia ser aquecida para derrubar adversários. Quase um desporto olímpico.

12 - Leisure Suit Larry

Este primeiro tinha também no nome In the Land of the Lounge Lizards, título complexo para uma aventura em que na verdade o nosso Larry só queria ter sorte com toda e qualquer miúda que lhe aparecesse pela frente. O humor também ajudou a que viesse a ter direito a imensas continuações.

11 - Lemmings

Simples e eficaz, este clássico consistia em ajudar minúsculas criaturas suicidas que andavam sempre em frente e encaminhá--las até à saída do nível, salvando a maior quantidade possível, já que era sempre preciso sacrificar alguns para evitar que falecessem todos. Ainda hoje funciona bem.

10 - Alone in the Dark

Era um jogo assustador, baseado na obra de H.P. Lovecraft, mas também porque um dos seus grandes trunfos, o 3D, era pontiagudamente horroroso quando observado ao pormenor. Mas há 25 anos era incrível e o que começou por ser um homicídio numa casa teve direito a várias sequelas.

09 - Championship Manager

Este é o pai espiritual do FM, que ainda hoje existe. Inicialmente só dava para jogar o campeonato inglês, aventurando-se mais tarde para Itália e havia quem o comparasse a folhas de Excel, pois além de letras só tinha fotos no fundo do ecrã. Mas a sua magia só compreende quem por lá andou.

08 - Dune 2

Inspirado no universo literário em que David Lynch pegou para criar o seu filme, chama-se 2 porque já tinha existido um Dune virado para a aventura, mas este tornou-se mítico ao criar as bases para o que ficou conhecido por estratégia em tempo real, numa luta pelo domínio do planeta.

07 - Indiana Jones

Existem emuladores para este motor de jogo das aventuras gráficas da LucasArts, esse género glorioso do tempo em que os jogos eram 2D. Já existia uma aventura anterior de Indy, baseada em A Grande Cruzada, mas esta história inédita com nazis e Atlântida até é melhor que a do último filme.

06 - Civilization

Começava-se por se escolher uma civilização e iam-se tomando decisões durante o período de tempo anterior à invenção da roda, até se conseguir enviar uma nave para o espaço, o que dava a vitória no jogo, que nunca se repetia. Muitos chamam-lhe o melhor de jogo de estratégia de sempre.

05 - Formula 1 Grand Prix

Para quem estava habituado a coisas divertidas mas básicas como Test Drive II ou o Grand Prix da Accolade, F1GP revolucionou o mundo das corridas quando apareceu em 1992, com gráficos, detalhe, simulação e a possibilidade de afinar tudo. Ainda hoje é mantido vivo por comunidades.

04 - Doom

Wolfenstein 3D pode ser o pai de todos os first-person shooters, com Hitler à mistura numa prisão nazi, mas foi quando deu o passo seguinte com este Doom que a id Software abanou o mundo, com gráficos brutais e um nível de violência incrível, numa história que metia um marine em Marte.

03 - Sensible World of Soccer

A jogabilidade rápida e divertida veio colocar em causa o domínio de Kick Off, mas foi com esta versão que evoluiu para um nível inimaginável. Agora podíamos ir comprar um central ao campeonato do Gana, numa base de dados gigantesca, antes de as licenças serem levadas a sério.

02 - Prince of Persia

Quando um sultão rapta uma princesa isso é motivo para que a partir de 1990 este jogo se comece a espalhar como um vírus, com uma receita simples que se tornava impressionante e extremamente viciante. Era pegar na espada, evitar cair nos picos e derrotar mauzões. Só mais uma vez.

01 - The Secret of Monkey Island

Da mesma casa que criou os Indiana Jones de que falámos chegou também esta aventura de Guybrush Threepwood, numa ilha de piratas onde os duelos eram através de insultos. Um universo tão bom que até foi licenciado à Telltale, que faz maravilhas em aventuras como The Walking Dead.

Partilha isto: