Estatuto Editorial

A PLAYBOY assume-se como uma publicação destinada a um público activo, informado e dinâmico, em busca de um produto que o surpreenda num ambiente controlado e previamente avalizado. A PLAYBOY tem como principal objectivo a apresentação de produtos de entretenimento eminentemente masculino na perspectiva de uma qualificação temática e esclarecida, nos diversos temas. A PLAYBOY tem como componente permanente e integrante produções fotográficas, com modelos eminentemente femininos, no intuito de valorizar a beleza feminina. Essas produções fotográficas jamais se destinam à diminuição da mulher, enquanto pessoa. A PLAYBOY procura descobrir novos talentos nas várias áreas que vai tocando, entre fotógrafos, modelos, jornalistas e ficcionistas. A PLAYBOY dá, sempre que possível, espaço a talentos que possa identificar de forma direta ou indireta, com ou sem recurso a concursos e passatempos. A PLAYBOY integra igualmente segmentos, reportagens e produções fotográficas relacionadas com o bem-estar e o Lifestyle. A PLAYBOY procura sempre, de forma isenta e intelectualmente honesta, apresentar ao seu leitor a caracterização dos produtos, aliada à avaliação da sua eventual qualidade, estando esta sempre sujeita a critérios editoriais. A PLAYBOY presta especial atenção aos processos de interacção com os seus leitores, não olvidando esforços na captação de ideias e colaborações, quer por via da edição em papel, quer por via da edição on-line. A PLAYBOY é uma publicação de informação generalista, em sintonia com o processo de mudanças tecnológicas e de civilização no espaço público contemporâneo. A PLAYBOY é uma revista mensal de informação temática, orientada por critérios de rigor e criatividade editorial, sem qualquer dependência de ordem ideológica, política e económica. A PLAYBOY aposta numa informação abrangendo aos diversos campos do entretenimento e correspondendo às motivações e interesses de um público plural. A PLAYBOY entende que as novas possibilidades técnicas de informação implicam um jornalismo eficaz, atractivo e imaginativo na sua permanente comunicação com os leitores. A PLAYBOY estabelece as suas opções editoriais com hierarquias prévias entre os conteúdos abordados, clarificando sempre a sua posição numa óptica de colaboração e enriquecimento do espaço do entretenimento. A PLAYBOY sente-se responsável apenas perante os seus leitores, numa relação rigorosa e transparente, autónoma do poder político e independente de poderes particulares. A PLAYBOY é uma publicação com uma periodicidade mensal, de língua Portuguesa e com um carácter de entretenimento e informação temático e especializado, no âmbito nacional. A PLAYBOY é um produto licenciado e que dispõe de uma base de dados internacional que a versão portuguesa irá utilizar de forma regrada e criteriosa.

Playboy - A Publicação masculina mais vendida em todo o mundo!